[Talk-br] Diferença entre GPX/Imagens de Satélite

Ricardo Padilha ricardospadilha em gmail.com
Segunda Novembro 29 12:43:46 GMT 2010


Na minha opinião, o maior problema não são imagens deslocadas. Como o
Claudomiro disse basta um script para pegar a área e aplicar um delta nas
coordenadas.

O problema maior de se basear em imagens é se elas não são corretamente
"achatadas" (ortoretificadas). Nesse caso, podem haver distorções muito
difíceis de corrigir com um simples script.

Alguém sabe se o problema é apenas deslocamento ou se temos problemas de
rotação e/ou distorção tridimensional?

Além disso, eu não confiaria muito nos dados do GPS... não antes de dar uma
boa olhada no HDOP (Horizontal Dilution Of Precision [1]), que indica a
precisão dos dados. Já me aconteceu várias vezes de ter um error de vários
metros entre a posição real e a posição indicada no GPS, principalmente logo
depois de ligar o aparelho ou quando estou em áreas com muita interferência.

Alguém sabe se algum dos softwares leva em conta o HDOP? Seria legal que
mostrassem a trilha com uma espessura de linha proporcional ao erro.

Att,
Ricardo

[1]: http://en.wikipedia.org/wiki/Dilution_of_precision_(GPS)

2010/11/29 Claudomiro Nascimento Junior <claudomiro em claudomiro.com>

> Eu também acho que se já houver uma boa base de dados coletada com GPS, não
> se deve mover tudo para bater com as fotos de satélite.
>
> Tanto no Potlatch como no JOSM é possível "deslocar" as imagens pra "bater"
> com os dados existentes.
>
> Agora, nas cidades onde não há quase nenhum dados antes da disponibilidade
> das fotos, acho que é mellhor usar as fotos como referência e em algum ponto
> no futuro fazer um trabalho de ajuste fino para seguir uma referência mais
> "exata".
>
> 2010/11/29 Flavio Bello Fialho <bello em cnpuv.embrapa.br>
>
> Em 26-11-2010 17:34, Johan Dahlin escreveu:
>>
>>
>>  São Carlos tem mesmo problema, veja aqui: http://yfrog.com/5j979kp
>>> Mas o error é bem minor. Acho em caso vale pena mudar todos os pontos
>>> para
>>> ser alinhadas com os dados do Bing.
>>>
>>
>> NÃO FAÇA ISSO! As imagens de satélite têm erro. O GPS está correto, pelo
>> menos na média. Pode acontecer de uma trilha estar deslocada por erro de
>> leitura do GPS, mas o mapa deve corresponder à realidade, e não à imagem de
>> satélite. Se o GPS for passado várias vezes em dias diferentes no mesmo
>> local, o traço médio estará correto. É comum ver a mesma estrada em dois
>> lugares diferentes no limite entre imagens no Google. Isso acontece por erro
>> na ortorretificação ou na amarração da imagem de satélite ao campo (que deve
>> ser feito com GPS). O melhor é tentar deslocar a imagem de forma que traços
>> conhecidos coincidam com o GPS e depois traçar o que falta com a imagem.
>>
>> --
>> Flávio Bello Fialho
>> Pesquisador, Embrapa Uva e Vinho
>> bello em cnpuv.embrapa.br
>>
>
-------------- Próxima Parte ----------
Um anexo em HTML foi limpo...
URL: <http://lists.openstreetmap.org/pipermail/talk-br/attachments/20101129/98f9af67/attachment.html>


More information about the Talk-br mailing list