[Talk-br] O lugar de cada indivíduo no projeto OpenStreetMap

Arlindo Pereira openstreetmap em arlindopereira.com
Segunda Julho 7 16:15:40 UTC 2014


+1!
Em 07/07/2014 13:04, "Alexandre Parente Lima" <alexandre.parente em gmail.com>
escreveu:

> Em suma:
> - Vocês estão levando isso muito a serio;
> - Vocês estão ficando chatos;
> - A lista esta ficando chata.
>
> Respirem e vamos em frente.
> Mais Wiki, menos email!
>
>
>
> Em 7 de julho de 2014 12:11, Fernando Trebien <fernando.trebien em gmail.com>
> escreveu:
>
>> Alexandre, se você quer:
>> - saber "como" fazer (e nada além disso), basta ler todo o conteúdo
>> que já compilamos [1] e simplesmente aplicá-lo sem questionar
>> - saber "por que" fazer assim, leia  a discussão que lhe apontei; se
>> surgirem dúvidas sobre "ela", responderei, mas não vou ficar repetindo
>> o que disse nela (foi muita coisa)
>> - mudar a nossa recomendação/discuti-la/contestá-la, daí sim é o
>> lugar; ou melhor, aqui não, no fórum é o lugar, aqui é para os
>> assuntos rápidos e urgentes
>> - fazer uma pesquisa de opinião, monte-a usando algum recurso externo
>> (ex.: fórum, ou outra ferramenta) e depois poste o link aqui para
>> votarmos
>>
>> E não, não espero uma relação de mestre-discípulo. Sempre esperei uma
>> relação de mestre-mestre quando investi meu tempo nessas discussões
>> (com você e com todos da lista). Por isso, também espero que você
>> tenha a intenção de se tornar mestre (pelo menos nesse assunto em
>> particular, com que você tanto interage). E você disse que não tem
>> essa intenção, palavras suas: "Não é isso que eu quero e não é isso
>> que eu farei."
>>
>> [1] http://wiki.openstreetmap.org/wiki/Pt-br:How_to_map_a
>>
>> 2014-07-07 11:39 GMT-03:00 Alexandre Magno Brito de Medeiros
>> <alexandre.mbm em gmail.com>:
>> > Fernando,
>> >
>> > Por que você considera assim?
>> >
>> > Isso é muito forte: "É o mínimo de consideração que você pode ter com o
>> > tempo dos outros." — grifo meu
>> >
>> > Tenho muita dificuldade para entender por que raios alguns de vocês —
>> espero
>> > que não todos! — acham que qualquer um que queira contribuir participar
>> do
>> > projeto tem de fazê-lo:
>> >
>> > Ficando a par de tudo em várias listas
>> > Ficando a par de tudo no fórum
>> > Ficando a par de tudo nas issues
>> >
>> > Eu penso que se eu "não quero" mudar coisas/padrões, eu posso conhecer
>> > apenas o que eu preciso para "mapear o que eu mapeio".
>> >
>> > Eu não quero mudar uma só letra na definição de etiquetas que vocês
>> > estabeleceram em 2013! Não é a primeiro vez que deixo explícito esse
>> > proceder. Quando eu for mapear, deverei conhecê-la em mais detalhes. Por
>> > enquanto, eu não disse qualquer coisa que vá contra o que vocês
>> > estabeleceram. O que vocês estabeleceram é sobre algo tão complexo que
>> > minhas opiniões são "Interpretativas", do tipo:
>> >
>> > Parece-me que o Gabriel quer um caminho em tal direção
>> > Parece-me que o Fernando olha para tal direção
>> > Parece-me que o naoliv compartilha tais e tais coisas com um e outro
>> > Parece-me que todos concordam que há coisas indefinidas
>> > Então, olhando de fora, eu penso (superficialmente) isso e aquilo, com o
>> > Gerald e com certamente com leigos que preencheriam um "formulário de
>> > sugestões para colocar na urna"
>> >
>> > Nesse contexto, fui e é isso que sou: um leigo que preenche um
>> "formulário
>> > de sugestões para colocar na urna." E é isso que eu quero continuar
>> sendo!
>> >
>> > Onde está minha gafe, que eu não enxergo? Pode dizer.
>> >
>> > Repito, eu fui superficial quando pude ser superficial, exatamente para
>> não
>> > ser cobrado sei lá de que. Um "mínimo"? Isso está incompreensível para
>> mim.
>> >
>> > Eu vou dizer-lhe o que eu acho que se tornou um problema:
>> >
>> > Você, Fernando, desde o início, foi sempre muito prestativo e atencioso,
>> > compartilhando seus conhecimentos, "investe em todos" aqui, respondendo
>> o
>> > que sabe. O problema é que parece que você espera uma relação de
>> > mestre-discípulo, e está se ofendendo por minha aparente desonra. Homi!
>> Por
>> > favor, se suas aulas não são gratuitas, fique com elas. Eu não vou
>> pagá-las
>> > na moeda da minha despersonalização.
>> >
>> > Mesmo suspeitando disso há um tempo, ainda tenho me atrevido a
>> perguntar-lhe
>> > diretamente coisas (hoje mesmo o fiz) porque afinal as respostas podem
>> > servir a todos. Mas se você quiser que eu não lhe inclua mais em
>> vocativos,
>> > diga-me!
>> >
>> > Eu vou continuar fazendo perguntas à comunidade.
>> >
>> > Alexandre Magno
>> >
>> >
>> >
>> > Em 7 de julho de 2014 14:05, Fernando Trebien <
>> fernando.trebien em gmail.com>
>> > escreveu:
>> >>
>> >> Mesmo assim, leia a discussão anterior que eu apontei. É o mínimo de
>> >> consideração que você pode ter com o tempo dos outros.
>> >>
>> >> 2014-07-07 10:53 GMT-03:00 Alexandre Magno Brito de Medeiros
>> >> <alexandre.mbm em gmail.com>:
>> >> > Minhas opiniões foram bem superficiais de propósito. Eu não entrei em
>> >> > detalhamento de etiquetação como quis, desde o início, o Gabriel.
>> Tentei
>> >> > apenas situar os pontos de vista e me posicionar o mais externo
>> >> > possível.
>> >> >
>> >> > Eu concordo que para fazer qualquer coisa além disso eu devo buscar
>> todo
>> >> > o
>> >> > conhecimento já gerenciado pela comunidade nacional e internacional,
>> e
>> >> > me
>> >> > dispor a participar de todas as listas de discussão correlatas,
>> >> > nacionais e
>> >> > internacionais. Não é isso que eu quero e não é isso que eu farei.
>> Quem
>> >> > me
>> >> > lê, por favor, não perca de vista que a respeito desses assuntos
>> >> > server-side
>> >> > eu mantenho (para mim) uma superficialidade propositada. Então nem se
>> >> > preocupem, isso implica que eu estou sempre abdicando, se não estiver
>> >> > explícito, de "querer" uma etiqueta assim ou assado. O que eu quero
>> >> > saber é
>> >> > o que (como) vocês usam e usar também. Mas quando encontro espaço
>> para
>> >> > dizer
>> >> > algo "como alguém de fora", eu digo algo, "como alguém de fora". E é
>> >> > assim
>> >> > que eu fico. Se alguém perceber que em algum modo eu não estou
>> fazendo
>> >> > assim, por favor, avise-me e aí eu me corrigirei, voltando à minha
>> >> > postura
>> >> > de "consumidor de padrões estabelecidos".
>> >> >
>> >> > Alexandre Magno
>> >> >
>> >> >
>> >> > Em 7 de julho de 2014 13:31, Fernando Trebien
>> >> > <fernando.trebien em gmail.com>
>> >> > escreveu:
>> >> >>
>> >> >> De forma geral eu concordo com o Gerald. Eu queria apontar mais três
>> >> >> coisas:
>> >> >> - quem está recém chegando nesse assunto e já opinando (Gabriel e
>> >> >> Alexandre) deve de preferência ler a discussão feita no ano passado
>> do
>> >> >> início ao fim [1]; boa parte do que está sendo dito/discutido já foi
>> >> >> tratado lá, não vale à pena ficarmos nos repetindo (isso só nos
>> >> >> desgastaria) [...]
>> >
>> >
>> > _______________________________________________
>> > Talk-br mailing list
>> > Talk-br em openstreetmap.org
>> > https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>> >
>>
>>
>>
>> --
>> Fernando Trebien
>> +55 (51) 9962-5409
>>
>> "Nullius in verba."
>>
>> _______________________________________________
>> Talk-br mailing list
>> Talk-br em openstreetmap.org
>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>
>
>
>
> --
> Alexandre Parente Lima
>
> _______________________________________________
> Talk-br mailing list
> Talk-br em openstreetmap.org
> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>
>
-------------- Próxima Parte ----------
Um anexo em HTML foi limpo...
URL: <http://lists.openstreetmap.org/pipermail/talk-br/attachments/20140707/568da268/attachment-0001.html>


Mais detalhes sobre a lista de discussão Talk-br