[Talk-br] Questão de ordem sobre mecanismos de moderação ou validação de edições

Peter Krauss ppkrauss em gmail.com
Segunda Dezembro 28 14:01:26 UTC 2015


(entrando agora no thread correto, Hélio vem para cá você também!)

Comentando as diversas respostas,

(do Márcio)
> Poderíamos fazer um serviço que monitora os changesets e alerta por
e-mail sobre grandes grandes
> mudanças e envios de usuários com poucas edições. Em conjunto com um
whitelist dos mapeadores
> (para evitar notificações de usuários antigos e de confiança) acho que
seria um primeiro passo para
> identificar vandalismo e erros rapidamente.

Quais são exatamente as APIs que hoje fazem isso? Na Wiki
<https://wiki.openstreetmap.org/wiki/WikiProject_Brazil/Comunidade_e_governan%C3%A7a>
indiquei o http://hdyc.neis-one.org/
(exemplo <http://hdyc.neis-one.org/?humano> de dados)
mas não vi API ... pelo que entendi usaria essa antiga APIv0.6
<http://wiki.openstreetmap.org/wiki/API_v0.6>
Acho que antes de um kick-off de mudanças gerais (muito mais complicado),
basta nos entendermos e nos organizarmos: quem somos nõs?? Alguém tem uma
listagem dos "membros"?  Quais são as regras escritas que deveríamos estar
seguindo, existe uma consolidação das regras além dessa
<https://wiki.openstreetmap.org/wiki/WikiProject_Brazil/Revers%C3%B5es>?

> concordo com as duas. Acho até que seria interessante ter um esquema de
validação a priori,
> ao invés de a posteriori como a gente faz (ou tenta fazer) hoje.
> Só que não é decidindo localmente que a gente faria isso - isto envolve,
necessariamente,
> uma mudança em como os servidores do OSM funcionam e, para isso, essa
decisão deve ser tomada internacionalmente.

Acho

Em 28 de dezembro de 2015 11:34, Márcio Aguiar Ribeiro <
aguiar.marcio em gmail.com> escreveu:

> Poderíamos fazer um serviço que monitora os changesets e alerta por e-mail
> sobre grandes grandes mudanças e envios de usuários com poucas edições. Em
> conjunto com um whitelist dos mapeadores (para evitar notificações de
> usuários antigos e de confiança) acho que seria um primeiro passo para
> identificar vandalismo e erros rapidamente.
>
> Esse fim de ano estou muito atolado com coisas do trabalho, mas em janeiro
> posso dar o kick-off nesse projeto e a gente vai melhorando ele
> gradualmente.
>
>
>
> Em seg, 28 de dez de 2015 às 10:18, Gerald Weber <gweberbh em gmail.com>
> escreveu:
>
>> Olá turma
>>
>> Eu tentei levantar a questão da prevenção em diversas ocasiões junto a
>> instâncias superiores do OSM e encontrei enorme resistência e até
>> hostilidade.
>>
>> Como já disse o Arlindo, a discussão local, embora interessante, não vai
>> levar a nada. Tem que agir internacionalmente, envolvendo-se mais
>> diretamente no gerenciamento do OSM, mas isto é algo que só vai acontecer a
>> longo prazo. Ou então os parceiros comerciais do OSM tem que começar a
>> chiar mais fortemente, até acho estranho que já não tenham se manifestado.
>>
>> Agora, nada nos impede de criarmos um índice automatizado de qualidade do
>> mapa que nos alerte sobre anomalias como por exemplo grandes deleções.
>> Tipicamente, se você souber do problema dentro de 48h uma simples reversão
>> resolve a questão de maneira quase indolor.
>>
>> Eu procurei vigiar a região de Belo Horizonte via whodidt por quase 1
>> ano. É extremamente trabalhoso e estressante, acabei desistindo. Verificar
>> centenas de changesets manual um a um leva dias, você não faz mais nada.
>>
>> Agora as ocorrências seguem um padrão bem clássico, se escrevermos alguns
>> scripts que automatizem a localização de ocorrências isto deve facilitar
>> bastante. Essencialmente basta correlacionar o tempo de vida do usuário, o
>> tipo de changeset (por exemplo sem qualquer comentário) e o tipo de edição.
>> Deleções grandes são bastante óbvios de pegar. Outra situação são
>> alterações de tipos de via que já foram editados anteriormente por vários
>> usuários. E por aí vai.
>>
>> abraço a todos
>>
>> Gerald
>>
>> 2015-12-28 10:40 GMT-02:00 Arlindo Pereira <
>> openstreetmap em arlindopereira.com>:
>>
>>> Paulo,
>>>
>>> concordo com as duas. Acho até que seria interessante ter um esquema de
>>> validação a priori, ao invés de a posteriori como a gente faz (ou tenta
>>> fazer) hoje. Só que não é decidindo localmente que a gente faria isso -
>>> isto envolve, necessariamente, uma mudança em como os servidores do OSM
>>> funcionam e, para isso, essa decisão deve ser tomada internacionalmente.
>>>
>>>
>>> []s
>>> Arlindo
>>>
>>> 2015-12-27 16:30 GMT-02:00 Paulo Carvalho <paulo.r.m.carvalho em gmail.com>
>>> :
>>>
>>>> Duas ideias, um tanto óbvias:
>>>> 1) É mais barato prevenir que erros entrem do que consertá-los.
>>>> 2) Mudança faz parte do nosso "negócio".
>>>>
>>>> Em 27 de dezembro de 2015 12:01, Arlindo Pereira <
>>>> openstreetmap em arlindopereira.com> escreveu:
>>>>
>>>>> A discussão sobre validação de edições está bem interessante, mas
>>>>> queria puxar uma "questão de ordem".
>>>>>
>>>>> As edições brasileiras não estão descoladas do projeto internacional.
>>>>> Isto posto, discutir localmente se deveria existir algum mecanismo de
>>>>> moderação, com pontuação / rankeamento tipo Waze, é inócuo, e deveria ser
>>>>> feito (em inglês) na lista internacional talk. (Na minha humilde opinião,
>>>>> ok? Não quero ofender ninguém que pense dessa forma, por favor!)
>>>>>
>>>>> Isto posto, nada impede que façamos verificações a posteriori, como já
>>>>> proposto pelos demais colegas. Mas nada que envolva uma mudança na
>>>>> estrutura de colaboração já existente, para o bem ou para o mal.
>>>>>
>>>>> É apenas isto.
>>>>>
>>>>> Saudações festivas,
>>>>>
>>>>> Arlindo Pereira
>>>>>
>>>>
>> _______________________________________________
>> Talk-br mailing list
>> Talk-br em openstreetmap.org
>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>
>
> _______________________________________________
> Talk-br mailing list
> Talk-br em openstreetmap.org
> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>
>
-------------- Próxima Parte ----------
Um anexo em HTML foi limpo...
URL: <http://lists.openstreetmap.org/pipermail/talk-br/attachments/20151228/a4264a29/attachment-0001.html>


Mais detalhes sobre a lista de discussão Talk-br