[Talk-br] Nomear saídas de entroncamentos comno mes não oficiais

Arlindo Pereira openstreetmap em arlindopereira.com
Terça Janeiro 7 20:45:46 UTC 2014


Marcio,

Acredito que o Felipe não irá se opor a edições para melhorar o mapa,
especialmente vindas de alguém com o seu conhecimento e experiência.

Que legal. Eu só pude editar as regiões que ele conhecera em seu dia-a-dia
na ETAM, como a própria escola, rancho, bancos etc. Sinta-se à vontade para
expandir esse que provavelmente é o mapa civil mais detalhado da ilha ;-)

[]s
Arlindo
Em 07/01/2014 12:28, <thundercel em gpsinfo.com.br> escreveu:

>   Arlindo,
> agradeço a paciência e gentileza em tirar minhas duvidas e prestar
> informações a respeito.
>
> você pode verificar qual foi o usuário (ou quais foram) que editou uma
> determinada característica no mapa e mandar uma mensagem para ele,
> discutindo sobre uma determinada característica (ou mesmo a editando
> direto). Para isso, clique no botão exibir dados do lado direito, selecione
> a via em questão e clique no link exibir histórico no painel da esquerda.
> Estou no celular agora, mas posso chutar com razoável certeza de que quem
> editou esse hospital na Ilha foi o DebianTUX (Felipe Ferreira, copiado no
> email).
>
> Pela primeira vez fui apresentado a esse histórico detalhado. Só conhecia
> o histórico geral. Obrigado.
>
> Sua razoável certeza está corretíssima. Parabéns!
> *Refinamento estacionamento do Hospital da Aeronautica *
> *Editado mais de 4 anos atrás por **DebianTUX*
>
> Já tive essa experiência (não agradável) de alguém editar direto o que
> formatei, mesmo estando em contato comigo debatendo sobre a formatação. Só
> editarei direto aquilo que identifico como erro quando tiver plena certeza
> de que estou certo. Estando dialogando com o editor anterior deixarei para
> ele reeditar se existir consenso entre ele e eu. Só editarei se ele
> solicitar. São princípios éticos que trago da minha jornada de vida.
>
>
> Talvez esse caso seja melhor representado por highway=unclassified, pela
> importância da via. Um exemplo de lugar que preferi mapear assim, ao invés
> de usar service=*, foi na Ilha das Cobras.
>
> Aliás, esse é um exemplo engraçado. Lá é uma área militar, de acesso
> restrito, que em todos os outros mapas aparece vazia. Acontece que meu
> primo estudava em uma escola lá dentro, e usei informações dele para mapear
> a ilha :-)
> Em que pese que aquela via não tem nome e é conhecida como via de acesso
> ao Hospital, highway=unclassified , sem nome, já me soa melhor e é
> adequadamente visualidade no mapa. Os que praticam navegação visual vão
> adorar isso.
>
> Saudosa Ilha das Cobras onde se encontra o Arsenal de Marinha.
>
> Não comentei, mas sou Coronel Aviador da reserva da FAB. Passei grande
> parte da minha carreira baseado no Rio de Janeiro, no Departamento de
> Controle do Tráfego Aéreo. Meu irmão, velho como eu, é Capitão de Mar e
> Guerra Naval da Reserva. Por força de carreira e por ter irmão na Marinha,
> conheço bem todas as área militares no Rio de Janeiro. Tanto que iniciei a
> edição dessas áreas no OSM deixando de lado a do Hospital porque fiquei em
> duvida do que encontrei.
>
> No tocante a Ilha das Cobras identifiquei que no mapa faltam algumas
> instalações importantes nela existentes. Ali dentro existe a Fortaleza de
> São João que abriga o Comando Geral do Corpo de Fuzileiros Navais. O
> Presídio de Marinha também está ali na Ilha.
> Estranhei o desenho (muito bem feito por sinal) do Porta Aviões São Paulo
> ali ancorado. Em que pese que a Marinha não tem recursos suficientes para
> movimenta-lo, ele é um objeto móvel.
>
> Com tempo irei editar as áreas de Marinha na Ilha do Governador que não
> estão estampadas no mapa. Espero quando terminar mostrar no mapa a área da
> Ilha ocupada por terreno militar. Praticamente 50% da Ilha é área militar.
>
> Muito obrigado
>
> []s
> Marcio
>
>
>
>  *From:* Arlindo Pereira <openstreetmap em arlindopereira.com>
> *Sent:* Tuesday, January 7, 2014 10:49 AM
> *To:* OSM talk-br <talk-br em openstreetmap.org>
> *Cc:* Felipe Gomes Vieira Ferreira <felipe.gomes.ferreira em gmail.com>
> *Subject:* Re: [Talk-br]Nomear saídas de entroncamentos comno mes não
> oficiais
>
>  Em 07/01/2014 10:48, "Arlindo Pereira" <arlindosaraivapereira em gmail.com>
> escreveu:
>
>> Marcio,
>>
>> você pode verificar qual foi o usuário (ou quais foram) que editou uma
>> determinada característica no mapa e mandar uma mensagem para ele,
>> discutindo sobre uma determinada característica (ou mesmo a editando
>> direto). Para isso, clique no botão exibir dados do lado direito, selecione
>> a via em questão e clique no link exibir histórico no painel da esquerda.
>> Estou no celular agora, mas posso chutar com razoável certeza de que quem
>> editou esse hospital na Ilha foi o DebianTUX (Felipe Ferreira, copiado no
>> email).
>>
>> Talvez esse caso seja melhor representado por highway=unclassified, pela
>> importância da via. Um exemplo de lugar que preferi mapear assim, ao invés
>> de usar service=*, foi na Ilha das Cobras.
>>
>> Aliás, esse é um exemplo engraçado. Lá é uma área militar, de acesso
>> restrito, que em todos os outros mapas aparece vazia. Acontece que meu
>> primo estudava em uma escola lá dentro, e usei informações dele para mapear
>> a ilha :-)
>>
>> []s
>> Arlindo
>> Em 07/01/2014 00:26, <thundercel em gpsinfo.com.br> escreveu:
>>
>>> Fernando,
>>> que aqui fique registrado que frequento esse Hospital há vários anos,
>>> conheço bem sua área e circulação e morei por 12 anos na Vila dos Oficiais
>>> que fica ao lado SW dele.
>>>
>>> Não fui eu que formatei a área e vias desse Hospital. Editei hoje essa
>>> via de serviço desenhada porque ela é de mão única e não estava como tal.
>>> Não modifico aquilo que não tenho certeza que devo.
>>>
>>> Sim, estacionamento geralmente tem uma via principal de circulação o que
>>> não é o caso aqui, porque não me refiro as vias de circulação do
>>> estacionamento. Os estacionamentos tem suas áreas desenhadas ali e suas
>>> vias principais de circulação. Estou me referindo as vias de entrada e
>>> saída do Hospital que por acaso falta no mapa trechos delas que em um
>>> futuro irei editar e corrigir. Tem uma de grande importância que se destina
>>> ao setor de emergência que nem desenhada está. Até túnel ela tem.
>>>
>>> Confesso que devo, mas ainda não cheguei ao ponto de vocês em
>>> preocupações de emprego do mapa para diversas utilidades. Um dia chego lá,
>>> apesar de ainda não alcançado a utilidade a que vocês se referem. Já
>>> absorvi que pedestre emprega quando de roteamento vias de veículos.
>>>
>>> Por enquanto procuro empregar minha experiência em navegação aérea,
>>> terrestre, marítima e fluvial quando da edição e onde identifico
>>> necessidade de aperfeiçoamento do mapa.
>>>
>>> Sugestões de formatação de determinada situação existirão muitas. Sempre
>>> existirá uma que fará com que você mais se simpatize com ela e comece a
>>> empregar. Observei muito isso nos 5 anos que desenvolvi mapas para o
>>> Tracksource.
>>>
>>> Apesar de minha experiência em desenvolvimento de mapas ingresso agora
>>> no OSM e me impressiona a dependência de emprego de situações existentes lá
>>> fora, mas não no Brasil. É necessário um Padrão? Claro que sim, caso
>>> contrário viraria bagunça generalizada, entretanto se existem muitas duvida
>>> e opiniões desencontradas entre os "experts" isso, pelo menos a mim, aponta
>>> uma falha do Padrão.
>>>
>>> Permanecendo no OSM e adquirindo experiência nele acredito que poderei
>>> contribuir para a revisão do Padrão apontando singularidades não aplicáveis
>>> em nosso território.
>>>
>>>
>>>
>>>
>>> -----Mensagem Original----- From: Fernando Trebien
>>> Sent: Monday, January 6, 2014 10:27 PM
>>> To: OpenStreetMap no Brasil
>>> Subject: Re: [Talk-br]Nomear saídas de entroncamentos comno mes não
>>> oficiais
>>>
>>> O certo nesse exemplo seria mudar para a tag service=driveway, cuja
>>> tradução eu acrescentei há poucos dias na referência e ficou como
>>> "Acesso de estacionamento" (tem uma explicação lá, mas aceito
>>> sugestões).
>>>
>>> Estacionamentos geralmente têm uma via principal de circulação (é o
>>> caso aqui) e outras que servem apenas para levar até as vagas (caso em
>>> que seria service=parking_aisle).
>>>
>>> Não acho necessário colocar nome nessa via, a geometria combinada com
>>> as setas mostrando a direção de circulação já expressa o que é entrada
>>> e o que é saída (está implícito que a via pode ser usada para entrar
>>> ou sair do hospital). É feito assim em todos os demais países. Eu só
>>> colocaria nome nela se tivesse acesso a um mapa oficial do projeto do
>>> hospital onde constassem esses nomes explicitamente (e nesse caso,
>>> teria que acrescentar uma tag "source:name" pra dizer de onde o nome
>>> saiu). Se você colocar o nome por colocar, estará meio que forjando
>>> essa informação.
>>>
>>> Outra coisa é que talvez o melhor fosse mapear a área toda como
>>> hospital e os edifícios como building=hospital (e mais uma tag "name"
>>> com as identificações de cada edifício - algo do tipo "Prédio A" e
>>> "Prédio B"). Essa é a recomendação dada no wiki
>>> (http://wiki.openstreetmap.org/wiki/Hospital), e é pra essa estrutura
>>> que as tags foram projetadas (e, portanto, é assim que geram a melhor
>>> renderização na maioria dos renderizadores). Os edifícios, assim como
>>> os estacionamentos e essa via de acesso, fazem parte do "hospital",
>>> estão dentro da sua área. Completando essa informação, não é
>>> necessário identificar o que é entrada e o que é saída usando nomes.
>>> Exemplo: http://www.openstreetmap.org/way/126014194
>>>
>>> 2014/1/6  <thundercel em gpsinfo.com.br>:
>>>
>>>> Arlindo,
>>>> agradeço a facilidade.
>>>>
>>>> Sem duvida a TAG nome é importante para se usar em GPS porque quando de
>>>> um
>>>> roteamento o contido nela é informado na instrução de manobra.
>>>>
>>>> Retirando o emprego do GPS a tag name,  na minha opinião,  é importante
>>>> para
>>>> uma navegação visual pelo mapa porque quando acesso ela indicará a que
>>>> se
>>>> refere aquele acesso, para onde se dirige.
>>>>
>>>> Vamos a um exemplo prático observando o acesso ao Hospital de Força
>>>> Aérea do
>>>> Galeão que conheço bem aqui na Ilha do Governador por frequenta-lo
>>>> bastante
>>>> devido a minha idade.
>>>> http://www.openstreetmap.org/way/38624310/history
>>>>
>>>> Acabei de corrigir o sentido porque quem desenhou esse acesso não havia
>>>> colocado o sentido.
>>>>
>>>> Ele está formatado como “corredor de estacionamento”, mas quem conhece
>>>> sabe
>>>> que não é um corredor de estacionamento, apesar que dentro da área do
>>>> Hospital existem corredores de estacionamento.
>>>>
>>>> Aquilo ali não é corredor de estacionamento, é uma via de entrada e
>>>> saída
>>>> mesmo. Ela não tem nome e é chamada por quem utiliza aquele hospital de
>>>> via
>>>> de acesso e via de saída porque formam ali pista dupla de duas faixas
>>>> cada
>>>> uma.
>>>>
>>>> Experimentado há mais de 30 anos navegando por mapas e sendo instrutor
>>>> de
>>>> navegação aérea e terrestre, confesso que essa apresentação visual ali
>>>> dessa
>>>> via citada não me agrada.  porque não retrata a realidade local.
>>>>
>>>> Na minha opinião ela deveria ser configurada como via residencial e na
>>>> tag
>>>> name colocado Acesso ao Hospital.
>>>>
>>>> []s
>>>> Marcio
>>>>
>>>>
>>>>
>>>> From: Arlindo Pereira
>>>> Sent: Monday, January 6, 2014 9:26 PM
>>>> To: OpenStreetMap no Brasil
>>>> Subject: Re: [Talk-br]Nomear saídas de entroncamentos comno mes não
>>>> oficiais
>>>>
>>>> (Subindo a thread para o Marcio achar mais facilmente)
>>>>
>>>> Eu imagino que a tag description/destination possa ser interessante para
>>>> usar em um GPS. Consigo imaginar a navegação de um GPS veicular dizendo,
>>>> "pegue a próxima saída a direita para o Centro" ao invés de "pegue a
>>>> próxima
>>>> saída a direita" ou algo do tipo. Mas, não me parece o mais apropriado
>>>> para
>>>> a tag name=* ainda que, visivelmente, o mapa fique com os acessos "sem
>>>> nome".
>>>>
>>>>
>>>> []s
>>>> Arlindo
>>>>
>>>> 2013/12/30 Fernando Trebien <fernando.trebien em gmail.com>
>>>>
>>>>>
>>>>> Acho que description é o campo ideal pra esses nomes não oficiais
>>>>> (porém
>>>>> são raros os casos em que parecem necessários). Em destination deve ir
>>>>> o que
>>>>> aparece na placa pro GPS poder dar a instrução de voz correta (caso
>>>>> suporte
>>>>> essa tag).
>>>>>
>>>>> On Dec 28, 2013 11:31 PM, "Nelson A. de Oliveira" <naoliv em gmail.com>
>>>>> wrote:
>>>>>
>>>>>>
>>>>>> 2013/12/28 wille em wille.blog.br <wille em wille.blog.br>:
>>>>>> > a recomendação é que se coloque o nome da saída, mas a página trata
>>>>>> > apenas
>>>>>> > de motorways.
>>>>>>
>>>>>> Os nomes das saídas são utilizados com highway=motorway_junction (não
>>>>>> é exclusiva de motorway, podendo ser utilizada em primary e outras)
>>>>>> http://wiki.openstreetmap.org/wiki/Tag:highway%3Dmotorway_junction
>>>>>>
>>>>>> É nesse nó que se coloca o nome da saída ("45A", por exemplo, que é o
>>>>>> que a gente vê nas placas das rodovias)
>>>>>> Tem aplicativos de GPS que utilizam essa tag e informam corretamente
>>>>>> que você tem que pegar a saída 45A, por exemplo.
>>>>>>
>>>>>> > Não conheço as tags destination e description, mas acho que
>>>>>> realmente
>>>>>> > tem
>>>>>> > que haver alguma informação de onde esse acesso vai dar.
>>>>>>
>>>>>> description é um campo para mensagens curtas para o usuário final (aí
>>>>>> cabe a aplicação utilizar ou não esta informação)
>>>>>> http://wiki.openstreetmap.org/wiki/Description
>>>>>>
>>>>>> O "destination" sim que serve para indicar o destino que o caminho
>>>>>> possui (uma cidade, local, bairro, etc). Note que o destino é o nó
>>>>>> final do caminho (ou o inicial, se utilizado ao contrário com
>>>>>> destination:backward, por exemplo)
>>>>>> http://wiki.openstreetmap.org/wiki/Key:destination
>>>>>>
>>>>>> Esses usos de nomes não oficiais como "Acesso para a Rua Tal" ou
>>>>>> "Cabines 1 a 3 do pedágio" devem estar contidos em tags como
>>>>>> description e/ou destination (ou outras que encaixem melhor).
>>>>>>
>>>>>> _______________________________________________
>>>>>> Talk-br mailing list
>>>>>> Talk-br em openstreetmap.org
>>>>>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>>>>>
>>>>>
>>>>>
>>>>> _______________________________________________
>>>>> Talk-br mailing list
>>>>> Talk-br em openstreetmap.org
>>>>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>>>>
>>>>>
>>>>
>>>> ________________________________
>>>> _______________________________________________
>>>> Talk-br mailing list
>>>> Talk-br em openstreetmap.org
>>>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>>>
>>>>
>>>> _______________________________________________
>>>> Talk-br mailing list
>>>> Talk-br em openstreetmap.org
>>>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>>>
>>>>
>>>
>>>
>>> --
>>> Fernando Trebien
>>> +55 (51) 9962-5409
>>>
>>> "The speed of computer chips doubles every 18 months." (Moore's law)
>>> "The speed of software halves every 18 months." (Gates' law)
>>>
>>> _______________________________________________
>>> Talk-br mailing list
>>> Talk-br em openstreetmap.org
>>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>>
>>> _______________________________________________
>>> Talk-br mailing list
>>> Talk-br em openstreetmap.org
>>> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>>
>>  ------------------------------
> _______________________________________________
> Talk-br mailing list
> Talk-br em openstreetmap.org
> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>
> _______________________________________________
> Talk-br mailing list
> Talk-br em openstreetmap.org
> https://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>
>
-------------- Próxima Parte ----------
Um anexo em HTML foi limpo...
URL: <http://lists.openstreetmap.org/pipermail/talk-br/attachments/20140107/ebcad7f7/attachment-0001.html>


Mais detalhes sobre a lista de discussão Talk-br