[Talk-br] Excesso de tertiary em Porto Alegre

Fernando Trebien fernando.trebien em gmail.com
Terça Agosto 27 00:41:18 UTC 2013


Esse eh um caminho possivel. Um dos problemas que eu vejo em "criar
hierarquias de vias" eh as diversas formas de descrever essas
hierarquias. Por vezes, uma via eh secundaria ou terciaria somente em
um trecho, nao toda ela de uma ponta a outra (por toda me refiro a
todo o percurso que tem o mesmo nome de rua). Ela pode ser considerada
assim, tendo um trecho mais importante que outro, sob diversos
aspectos, sendo o trafego um deles, e a intensidade da atividade
humana (presenca de estabelecimentos comerciais) outro. Se essa
hierarquizacao nao for bem pensada (se apenas listarmos nomes, e nao
trechos), pode acontecer que a classificacao se torne menos util do
que seria um criterio mais local, como a analise das preferencias.

Outra coisa eh que, mesmo descrevendo uma hierarquia, provavelmente
cada pessoa tem em mente uma arvore de hierarquia diferente (pouco
diferente, muito diferente, isso vai depender), e isso eh o esperado
porque elas tem vivencias diferentes, mesmo numa mesma cidade. Sem um
criterio como esse, eu nao sei exatamente como classificar as vias do
meu proprio bairro (e moro aqui a mais de 10 anos). Por "exatamente"
quero dizer "com total confianca de que a maneira que estou fazendo eh
a melhor", ou no minimo a mais aceita. Outra pessoa, com outros
valores, poderia classificar de outra forma, e nao estaria errado. E
daih, qual das duas versoes deve valer, a minha ou a dela? A media das
duas? Nenhuma das duas, precisamos de no minimo 3 pessoas para
decidir? E se decidirmos, e depois de 1 ano alguem vier e mudar tudo
sem nos consultar? O que fazemos, revertemos? Convencemos a pessoa da
nossa opiniao? Ou recalculamos a media (se eh que a registramos em
algum lugar)? Entende, eh muito complicado fazer assim, a qualidade do
mapa tende a decair, sofrendo alteracoes constantes.

Votar via por via seria um trabalho enorme e tenho certeza que nao foi
assim que fizeram em outros paises. Votar por trechos de via seria
pior ainda. Quando terminassemos, a realidade jah teria mudado, e
teriamos que recomecar a classificacao. E dai essas discussoes que
estamos tendo (que sao somente sobre "1 metodo") se multiplicariam
pelo numero de objetos, varias vezes ao longo do tempo.

Alem disso, muitos colaboradores do OSM sao iniciantes no mapeamento,
nao engenheiros de trafego, nem doutores em cartografia. Se nao
tiverem algo simples e definido a seguir, se sentirao desestimuladas a
continuar colaborando. Eis uma questao, se nao quisermos adotar um
criterio que qualquer pessoa pode seguir, entao talvez devessemos
estar pensando em limitar alteracoes que reclassificam vias a usuarios
experientes (moderadores), e pensar numa forma de eleger essas
pessoas.

Ou entao simplificamos o criterio: abandonamos o uso de secundarias e
terciarias dentro das cidades, usamos apenas
residenciais/nao-classificadas e primarias (que sao arteriais e sao
oficialmente publicadas). Daih nos perdemos informacao util a respeito
de vias alternativas.

Entao, na minha opiniao:
- classificar por importancia eh vago, cada um tem seu proprio senso
(bom senso, ou falta de senso, tudo depende de quem estah falando
sobre quem e da experiencia pessoal)
- classificar por discussoes democraticas trecho por trecho ou via por
via eh o ideal mas leva muito, muito tempo
- adotar um criterio claro e simples me parece ser a melhor solucao:
eh bom pra explicar o significado pro usuario (que pode entao fazer
uso imediato da informacao), e eh bom pra que a gente aplique e nao
fique brigando a toa

O criterio simples do momento eh o da preferencia. Tudo bem, alguem
pensa que isso gera um excesso de terciarias. Por enquanto eu nao ouvi
posicoes contrarias, entao estou tratando como apenas uma questao de
preferencia (ou melhor, aversao) pessoal. Gostaria de ouvir mais
opinioes, nem que fosse pra dizer "gostei" ou "nao gostei" ou "nao
tenho muita certeza, aqui eu faco desse e daquele jeito".

Como nao sou prepotente o bastante para achar que o meu senso eh o
melhor de todos, desde o inicio eu busquei a opiniao da comunidade pra
aprimorar as minhas ideias, e prova disso eh que o fluxograma mudou
muito desde que apresentei a primeira versao (fiz questao de registrar
isso no forum pra que depois nao viessem me dizer que estou impondo a
minha vontade, estou eh tentando defender as ideias mais bem aceitas).
Outra prova eh que tambem busquei a opiniao da comunidade
internacional, e nem eles reclamaram desse "algoritmo" (bem, nao nesta
parte do fluxograma). Nao me importo de muda-lo de novo caso surja uma
ideia melhor, e tambem nao me importo de reclassificar todas as ruas
da cidade caso isso ocorra, soh nao quero eh me envolver nessas quedas
de braco sem sentido pelo simples fato de o criterio nao ser bem
definido. Tenho mapas mais interessantes a fazer ;D. O mais importante
eh que a regra que adotarmos traduza da melhor forma possivel esse
senso vago e subjetivo de "importancia". Entao, em qualquer discussao,
a primeira questao a ser respondida (e nao foi respondida ainda
nesta): o que voce acha que um usuario comum do OSM valoriza numa via,
e como podemos medir esse valor?

2013/8/26 Pedro Geaquinto <pedrodigea em gmail.com>:
> O meu maior problema é que estou sem internet! Gostaria muito de participar
> da discussão, mas tudo parece conspirar contra.
> Na outra "rodada" de discussões perdi boa parte porque estava epicamente
> atarefado, agora acontece isso... Postem no fórum, vou cruzar os dedos para
> poder acompanhar vocês.
>
> Só acho que o assunto é muito subjetivo e sempre vai render discussões na
> comunidade local, ainda mais não havendo uma notação oficial (governamental)
> para nortear as coisas. Na minha opinião, o que deveria acontecer é criar
> páginas na wiki só para hierarquias de vias, para cada região metropolitana.
> Assim, a discussão de coisas ambíguas (como importância de uma via, por
> exemplo) fica mais facilmente discutível pela comunidade local, ou seja, que
> conhece sua cidade. Isso tudo após uma ampla discussão nacional, é claro
> (que não poderei acompanhar bem inicialmente). :/
>
> On Aug 25, 2013 10:57 AM, "Fernando Trebien" <fernando.trebien em gmail.com>
> wrote:
>>
>> Concordo plenamente.
>>
>> On Aug 25, 2013 7:59 AM, "Gerald Weber" <gweberbh em gmail.com> wrote:
>>>
>>> Olá Pessoal
>>>
>>> tenho acompanhado a discussão meio à distância.
>>>
>>> Quando discutimos os fluxogramas de classificação de vias eu fui da
>>> opinião que o esquema serviria essencialmente para uma primeira rodada de
>>> classificações. Isto porque na maior parte do tempo mapeamos fora de casa e
>>> carecemos de conhecimento local.
>>>
>>> A partir desta classificação preliminar teria de haver uma discussão com
>>> mapeadores locais para fazer o ajuste fino. Eu acho que a questão de Porto
>>> Alegre chegou exatamente neste ponto.
>>>
>>> Alterar novamente o fluxograma apenas para atender ao caso de Porto
>>> Alegre certamente acarretará problemas com outras cidades, especialmente nos
>>> casos onde já se iniciou a reclassificação. Cada cidade vai ter suas
>>> peculiaridades que vão ser impossíveis de tratar com um algorítmo único.
>>> Aqui que eu penso entra a força do OSM com o conhecimento local dos
>>> mapeadores.
>>>
>>> Portanto eu sugiro que se abra o tópico "Porto Alegre" no forum (não aqui
>>> no talk-br) e que se discuta neste forum como deve ser tratado cada caso. Se
>>> for necessário discutam rua por rua. Depois que chegarem à algum consenso,
>>> façam suas alterações e registem com a tag note= cada uma das decisões. Quem
>>> sabe seria interessante também colocar a tag website com o link do forum
>>> onde determinada rua foi discutida.
>>>
>>> Agora eu penso que uma cidade ter mais ou menos tertiary apenas
>>> representa a permeabilidade dos bairros em relação a um tráfego mais
>>> intenso. Naturalmente isto varia muito de cidade para cidade e certamente de
>>> bairro para bairro.
>>>
>>> um grande abraço a todos
>>>
>>> Gerald
>>>
>>>
>>> _______________________________________________
>>> Talk-br mailing list
>>> Talk-br em openstreetmap.org
>>> http://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>>
>>
>> _______________________________________________
>> Talk-br mailing list
>> Talk-br em openstreetmap.org
>> http://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>>
>
> _______________________________________________
> Talk-br mailing list
> Talk-br em openstreetmap.org
> http://lists.openstreetmap.org/listinfo/talk-br
>



-- 
Fernando Trebien
+55 (51) 9962-5409

"The speed of computer chips doubles every 18 months." (Moore's law)
"The speed of software halves every 18 months." (Gates' law)



Mais detalhes sobre a lista de discussão Talk-br